Ombro Doloroso

 

 

 

A dor no ombro é uma queixa muito comum no consultório. Há várias causas de dor no ombro, mas as pessoas, de modo geral, relacionam as dores à bursite. Bursite é apenas uma das casas de dor. Tendinite, capsulite, artrose e outras são causas até mais frequentes que a própria bursite.

 

A principal causa de dor no ombro são as tendinites degenerativas, que ocorrem pelo próprio envelhecimento do tendão e que podem levar à ruptura do tendão acometido. Geralmente, acometem pessoas após os 50 anos de idade. Quando não há ruptura, o tratamento é feito com repouso relativo, medicações e fisioterapia. A cirurgia é indicada nos casos em que há ruptura tendínea.

 

A tendinite calcárea ocorre quando há uma calcificação no interior do tendão. A causa dessa tendinite é desconhecida, mas a doença é benigna e autolimitada, ou seja, cura espontaneamente. O problema é que pode durar de 1 a 3 anos.  O tratamento é feito com repouso relativo e medicações. A cirurgia pode ser utilizada no tratamento em casos específicos.

 

A capsulite adesiva ou ombro congelado é uma inflamação generalizada do ombro que causa muita dor e bloqueia a movimentação do ombro. O ombro fica rígido e isso causa muita limitação para a pessoa. Também é uma doença que cura espontaneamente, mas dura cerca de 1 a 2 anos. O tratamento é feito com repouso relativo, medicações e, se necessário, bloqueio do nervo supraescapular (um tipo de aplicação no ombro). A cirurgia só é indicada em caso de rigidez do ombro após o término da doença.

 

A artrose é uma doença que causa a destruição da articulação. Inicialmente a superfície de contato articular - cartilagem - é destruída e o processo segue com o acometimento ósseo e das estruturas adjacentes. Isso leva à rigidez e deformidade articular. O tratamento inicial é feito com repouso relativo, medicações e fisioterapia. A cirurgia para colocação de prótese é indicada quando a doença está avançada.

 

A bursite é uma inflamação da bursa. Essa estrutura é uma bolsa que fica entre o tendão e as partes ósseas e musculares do ombro. É responsável pela diminuição do atrito durante a movimentação. Quando há a inflamação dessa bolsa - bursa - acontece a bursite. Ela causa dor intensa e difusa no ombro com grande limitação dos movimentos. O tratamento é feito com repouso relativo e medicações. A melhora total ocorre entre uma ou duas semanas.

 

Para que haja o correto diagnóstico e tratamento, é necessária a avaliação de um ortopedista.

© 2015 por Daniel Sabatini

Para marcar uma consulta

Guaçuí-ES (28)3553-1339

Muriaé-MG (32)3722-3196​