© 2015 por Daniel Sabatini

Para marcar uma consulta

Guaçuí-ES (28)3553-1339

Muriaé-MG (32)3722-3196​

 

Luxação do ombro

 

 

 

A luxação de qualquer articulação ocorre quando a articulação sai do lugar e permanece fora do lugar.

 

É uma condição que requer tratamento ortopédico urgente. Aquele comentário comum "foi só uma luxação" é um tremendo equívoco. Luxações são traumas graves e urgentes. Podem, se não tratadas corretamente, levar à morte - necrose - do osso envolvido.

 

No ombro, a luxação geralmente ocorre por trauma indireto, ou seja, o impacto em outra região do membro superior faz com que o ombro saia do lugar. O tipo de luxação mais comum é a anterior, quando o ombro "sai" para frente, e ocorre quando há queda com o braço esticado. O mecanismo clássico de defesa de quedas.

 

Quando há suspeita de luxação do ombro, ou qualquer articulação, deve-se procurar o hospital imediatamente. Não é recomendado ficar tentando colocar a articulação no lugar. Isso pode causar lesões adicionais e piorar o quadro. Portanto, o médico sempre deve ser procurad0 para o tratamento urgente da luxação.

 

Em qualquer luxação há lesão dos ligamentos que prendem a articulação no lugar. No ombro não é diferente. Quando o ombro luxa, há lesão dos ligamentos. Na verdade, os ligamentos do ombro não se rompem. O que acontece é que a estrutura que os prendem ao osso, chamada labrum, se solta do osso e fica frouxa.

 

O labrum raramente cicatriza bem em pessoas abaixo de 25 anos. Essas pessoas tendem a apresentar luxações repetidas do ombro. Essa condição é conhecida como instabilidade. Qualquer movimento pode causar a luxação. Toda vez em que há uma nova luxação, ocorrem novas lesões e esse processo vai destruindo a articulação.

 

Por isso, o tratamento da instabilidade é cirúrgico e o melhor tipo de cirurgia é definido pelo médico. A decisão se baseia na gravidade das lesões encontradas em cada caso.